Governo deixa Globo de fora de ‘merchan’ da reforma da Previdência

0
59

Para defender a Reforma da Previdência, o governo de Jair Bolsonaro vai investir ações de merchandising com artistas em programas da TV aberta, como SBT, Record e Band, com exceção da Rede Globo.

Já estariam escalados para as apresentar o ‘merchan’ do polêmico projeto os apresentadores Milton Neves e José Luiz Datena (Band), Luciana Gimenez (RedeTV), Ratinho (SBT), Rodrigo Faro, Ana Hickmann e Renata Alves (Record), conforme publicou o jornal Meio & Mensagem.

Segundo a publicação, a Secretaria de Comunicação do Governo (Secom) esclareceu que Globo ficou de fora desta etapa da campanha devido às regras da política comercial da emissora, que vetam a participação de seus apresentadores em propagandas do governo.

R$ 40 MILHÕES EM PROPAGANDA

O empenho do governo para aprovar a reforma da Previdência já soma R$ 40 milhões em publicidade. Embora o valor seja alto, a quantia é considerada pelo mercado dentro dos padrões para uma campanha deste porte, com alcance nacional. Um dos filmes da campanha está no ar desde março.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui