Home / Destaque / MPF pede bloqueio de R$ 10 milhões de mineradora devido a vazamento em MG

MPF pede bloqueio de R$ 10 milhões de mineradora devido a vazamento em MG

© Tadeu do Resgate/Facebook O rompimento fez jorrar polpa de minério para fora, como mostram vídeos feitos por moradores da região

O Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) está pedindo o bloqueio de R$ 10 milhões da Anglo American de Ferro S/A. O objetivo é garantir medidas emergenciais para a reparação dos danos ambientais e sociais causados pelo rompimento do mineroduto Minas-Rio em Santo Antônio do Grama (MG), na Zona da Mata.

A solicitação consta de ação civil pública impetrada na Justiça nesta terça-feira, 13. Os promotores também pedem a adoção de medidas para cessar o vazamento de substâncias e a contaminação do meio ambiente. E que a Anglo seja obrigada, no prazo de 72 horas, a providenciar a contenção, retirada e destinação ambientalmente adequada dos poluentes.

Outra exigência do MP é a criação de um cadastro dos atingidos pelo desabastecimento e o fornecimento de água potável até que ocorra a regularização do serviço. Além disso, a mineradora ficaria responsável por custear uma auditoria ambiental independente no empreendimento com laudo em 120 dias.

Comentários

Comentários

Rolar para o Top