Home / Cidades / Mutirão leva médicos especialistas à população em Goiânia

Mutirão leva médicos especialistas à população em Goiânia

Durante a frente de serviços, os moradores das regiões Noroeste e Oeste podem se consultar com oftalmologistas, cardiologistas e nutricionistas
Mutirão leva médicos especialistas à população em Goiânia
Foto: DivulgaçãoQuem passa pela Avenida Perimetral Norte se depara com a enorme estrutura do Mutirão da Prefeitura de Goiânia montada no acesso ao Jardim Nova Esperança. E quem vai até ao local se impressiona mais ainda com a quantidade de serviços oferecidos. A Secretaria Municipal de Saúde de Goiânia (SMS) se destaca com os atendimentos realizados na frente de serviços. Além de oftalmologistas e cardiologistas, também há nutricionistas e odontólogos.

A secretária de Saúde, Fátima Mrué, explica que a intenção é diminuir o tempo de espera para os pacientes que precisam de consultas com esses especialistas. ‘A ação dos cardiologistas, com a ajuda dos exames de eletrocardiograma, por exemplo, é para reduzir a espera de quem aguarda para fazer o risco cirúrgico para realizar cirurgias’, destaca.

No Mutirão ainda estão funcionando um consultório para prevenção de câncer de boca, um outro para prevenção de câncer de mama, um espaço para ações educativas de controle do tabagismo, além de salas de vacina, eletrocardiograma, teste de glicemia e aferição da pressão arterial. No local ainda há uma sala para a Regulação, que está encaminhando os pedidos de exames solicitados pelos médicos e, se necessário, também realizará encaminhamentos para internações. Ainda há um amplo espaço para atividade física.

Neste primeiro dia foram distribuídas 1.300 senhas para as três especialidades. Os serviços estarão disponíveis até às 17 horas deste sábado, 21, e amanhã o atendimento será das 8h às 12h.

A satisfação dos moradores

‘Desde março eu aguardava pra fazer um exame chamado retinografia e hoje consegui, graças a Deus!’, conta a dona Maria do Carmo Pereira, de 62 anos, moradora do setor Cândida de Morais.

Já o microempresário do ramo de confecção Breno Costa Ferreira, de 48 anos, morador do Santos Dumont, conseguiu encaminhamento para a retirada de abcesso na altura da coluna cervical: ‘Estava muito preocupado e com muita dor, agora saio daqui mais tranquilo. Logo, logo vou fazer a cirurgia’.

O costureiro Daniel Nascimento dos Santos, morador do Jardim Nova Esperança, também saiu satisfeito do Mutirão. Ele descobriu que a dificuldade no trabalho é por problemas na visão. ‘Tô saindo daqui com a receita dos óculos, agora vai melhorar’, comemora.

Comentários

Comentários

Rolar para o Top