Home / Destaque / Satélite revela expansão de base de mísseis na Coreia do Norte

Satélite revela expansão de base de mísseis na Coreia do Norte

Imagens obtidas pela rede de televisão CNN, dos Estados Unidos, mostram que a base de mísseis de longo alcance Yeongjeo-dong na Coreia do Norte está sendo expandida –além de continuar ativa.

© KCNA O governo de Kim Jong-Un continua a expandir uma de suas bases de mísseis

A descoberta mostra que as relações entre os EUA e o líder norte-coreano Kim Jong Un tem trazido poucos avanços na prática. Há 5 meses, as duas potências mantiveram conversações para chegar ao processo de desnuclearização.

Segundo pesquisadores do Instituto Middlebury de Estudos Internacionais, as imagens também revelam a construção de uma nova base a 11 quilômetros do local já conhecido. Ainda não foi esclarecido se elas estão interligadas.

Um dos analistas do instituto, Jeffrey Lewis, diz que “a construção continuou mesmo após a Cúpula de Cingapura”, em que Jong Um e Trump tiveram conversas bilaterais em busca da desnuclearização.

O que quer que Kim diga sobre seu desejo de desnuclearização, a Coreia do Norte continua produzindo e implantando mísseis nucleares”, disse Lewis.

Autoridades norte-americanas dizem ter controle sobre o que acontece na Coreia do Norte e afirmam “não estarem surpresas com os resultados” do satélite. “Nós observamos a Coreia do Norte muito de perto. Continuamos a apoiar o processo diplomático e não iremos discutir assuntos de inteligência”, falou Chris Logan, porta-voz do Departamento de Defesa dos EUA.

O Ministério da Defesa da Coreia do Sul afirmou que a base descoberta “é um dos principais locais norte-coreanos rastreados e vigiados, em cooperação com os Estados Unidos”.

A implantação de uma nova base de mísseis não significa a violação de nenhum acordo, mas preocupa os países que articulam o acordo de desnuclearização.

Comentários

Comentários

Rolar para o Top