Saúde melhora atendimento para pessoas com anemia falciforme

0
218

O secretário do Estado da Saúde anuncia nesta terça-feira, 27 de junho, às 9h, duas medidas para melhorar o atendimento dos portadores de anemia falciforme, uma doença é genética e hereditária, caracterizada por uma alteração nos glóbulos vermelhos do sangue.

teste-pezinho_foto-ministerio-saude_18062013-1

A primeira será a implantação do serviço de suporte telefônico no Centro de Informações Toxicológicas (CIT/Goiás) para fornecer informações e orientações aos médicos e enfermeiros. O sistema é pioneiro no país.

A SES-GO também distribuirá um Cartão de Identificação específico para os portadores desta enfermidade. O documento trará os telefones do CIT/Goiás e do Hemocentro, que devem ser acionados caso o paciente tenha uma crise da doença. O atendente então dará orientações de como proceder neste caso. O cartão será entregue portadores pela Associação de Anemia Falciforme Caroline Vitória, que conta com 200 membros cadastrados.

ASSUNTO: Anúncio da Implantação de serviço de suporte telefônico Centro de Informações Toxicológicas (CIT/Goiás) para médicos e enfermeiros que atendem pacientes com anemia falciforme/ Cartão de Identificação para portadores da doença

DATA: 27 de junho

HORÁRIO: 9h

LOCAL: Centro de Informações e Decisões Estratégicas – Conecta Zilda Arns Neumann / Secretaria da Saúde

ENDEREÇO: Rua SC1 n° 299, Parque Santa Cruz.