Home / Política / TSE mantém João Capiberibe na disputa do 2º turno para o governo do Amapá

TSE mantém João Capiberibe na disputa do 2º turno para o governo do Amapá

Por 6 votos a 1, o TSE (Tribunal Superior Eleitoral) confirmou na 3ª feira (16.out.2018) a liminar proferida no dia do 1º turno (7.out), pelo ministro Og Fernandes determinando que os votos de João Capiberibe (PSB) fossem contabilizados.

A única a votar contra o deferimento da candidatura de Capiberibe foi a presidente do Tribunal, ministra Rosa Weber. Os outros ministros acompanharam o relator, Og Fernandes.

Desta forma, os candidatos que disputarão o 2º turno para o governo do Estado do Amapá são João Capiberibe (PSB) e Waldez Góes (PDT).

O imbróglio começou 2 dias antes antes do 1º turno, que ocorreu em 7 de outubro, quando o TRE (Tribunal Regional Eleitoral) do Estado rejeitou o registro da candidatura de Marcos Roberto (PT), que seria vice de Capiberibe na chapa. Isso aconteceu porque os candidatos do PT do Amapá não entregaram a prestação de contas do partido em 2015.

Como o cancelamento da candidatura do petista ocorreu muito próximo do pleito, o TRE-AP determinou em 6 de outubro que os votos em Capiberibe fossem considerados nulos. Porém, os ministros do TSE entendem que o titular da chapa não tem nenhuma irregularidade e não pode ser punido em razão de seu vice. Agora, quem compõe a chapa no lugar de Marcos Roberto é Andreia Tolentino, do PSB.

Na 1ª fase do pleito, o atual governador Waldez Góes (PDT) e o senador João Capiberibe tiveram 33,55% e 30,10% dos votos, respectivamente.

(com informações da Agência Brasil)

Comentários

Comentários

Rolar para o Top