Casal namora cinco anos e homem morre no dia do casamento

0
727
Casal abraçados em foto de arquivo
Casal abraçados em foto de arquivo

Um dia inesquecível, que selaria um momento de união e felicidade, acabou de maneira triste. A compradora Renata Rocha, de 37 anos, estava ansiosa para o casamento, que aconteceria no último sábado (28) em Taubaté, mas foi pega de surpresa pelo destino. O noivo, Marcelo Teixeira, de 35 anos, sofreu um infarto na porta da igreja e morreu a caminho do hospital.

Segundo Renata, o marido sofria de miocardiopatia dilatada (um tipo de inflamação no coração, que dificulta o bombeamento de sangue) e havia cerca de dois anos fazia tratamento em São Paulo. “Quando descobrimos, o médico havia dado uma semana de vida a ele. Lutávamos em busca de uma solução para ele sobreviver”, afirmou a noiva. Marcelo era gerente de um restaurante na cidade e, segundo ela, andava estressado com a rotina do trabalho e reclamava apenas de dores no peito.

O casal namorava havia cinco anos e vivia junto há três. No dia do casamento, Renata esteve com o noivo quase o dia todo. Ele não demonstrou sinais de nervosismo devido à cerimônia. “Ele estava animado, tomou calmantes antes de sair de casa e reclamou apenas de dor de estômago na igreja. Um pouco depois, ele acabou passando mal e desmaiou”, contou.

No momento do susto, a noiva terminava de se arrumar em um hotel e já estava pronta para subir ao altar. “Minha família foi me ligando perguntando sobre os remédios que ele poderia tomar. Depois de um tempo, me avisaram que não poderia ser feito mais nada. Tudo que eu queria era vê-lo e acabei indo vestida de noiva para o hospital”, recorda Renata.

A família de Marcelo é da cidade de Américo Brasiliense (SP) e estava reunida em Taubaté para o casamento no fim de semana. Após a fatalidade, amigos e parentes seguiram para a cidade natal, onde o corpo foi enterrado nesta segunda-feira (30).

criação de site

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui