Goiás retoma o crescimento econômico, gera +4.334 novos postos de trabalho, com destaque para a Indústria, Agricultura e Construção

0
23

Os dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados – CAGED, divulgados nesta terça-feira (28) apresentou um panorama de melhora da economia goiana. Goiás teve 34.850 admissões e 30.516 desligamentos, ficando com um saldo positivo de +4.334 novos postos de trabalho.

Geração de emprego por setor econômico junho/2020

Agropecuária

1.933

Comércio

309

Construção

1.753

Indústria

2.440

Serviços

-2.101

CAGED

           Na avaliação da Superintendente Regional do Trabalho em Goiás, Sebastiana Batista, o Setor de Serviços, que sempre apresentou um número elevado de contratação de mão-de-obra, na série histórica do CAGED, no momento foi o setor que mais demitiu. Apesar da ajuda governamental do programa – Benefício Emergencial de Preservação do Emprego e da Renda (BEm), que ofereceu medidas trabalhistas para o enfretamento do estado de calamidade pública e da emergência de saúde pública decorrente do Coronavírus (COVID-19).

            Em Goiás 364.915 trabalhadores firmaram acordos para preservar o empregoo número mais significativo da região Centro-Oeste, conforme tabela abaixo.

Quantidade e Tipos de Acordos por Estado

Estado

intermitente

Redução 25%

Redução 50%

Redução 70%

Suspensão

Total

Goiás

3.734

30.938

54.172

78.454

197.617

364.915

Distrito Federal

6.708

24.816

26.686

45.575

104.887

208.672

Mato Grosso

2.089

11.800

21.345

16.767

47.866

99.868

Mato Grosso do Sul

1.419

11.118

17.010

15.057

31.768

76.372

Painel BEm

 “O momento para o mundo do trabalho é extremamente delicado, assim as iniciativas governamentais são importantes para minimizar os efeitos da crise. ”, afirmou Sebastiana.

criação de site

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui