Morre, aos 69 anos, o escritor e jornalista Artur Xexéo

0
291

O comentarista estava internado em hospital do Rio de Janeiro por conta de um linfoma não-hodgkin diagnosticado no início do mês

O escritor Artur Xexéo morreu neste domingo (27/6), aos 69 anos. O jornalista, especialista em análises culturais, estava internado em um hospital do Rio de Janeiro e enfrentava uma batalha contra o câncer.

Xexéo foi diagnosticado com um linfoma não-hodgkin de célula T no início de junho. Na última sexta-feira (25/6), teve uma parada cardiorrespiratória e, na noite deste domingo, não resistiu.

Twitter/Reprodução
Artur Xexéo escreveu peças teatrais de sucesso como A Garota do Biquíni Vermelho, dirigido pela atriz Marília Pêra

Entre os seus livros estão Janete Clair: A Usineira de Sonhos, O Torcedor Acidental (crônicas) e Hebe, A Biografia. Em sua carreira, Xexéo passou pelas redações da Veja, Jornal do Brasil e O Globo. Também atuou como comentarista na rádio CBN, ao lado de Carlos Heitor Cony. Desde 2015, participava da transmissão da cerimônia do Oscar na TV Globo.

Xexéo também escreveu espetáculos teatrais como A Garota do Biquíni Vermelho, dirigido pela atriz Marília Pêra, e Nós Sempre Teremos Paris, com Françoise Forton e Tadeu Aguiar. A última adaptação para o teatro foi em 2019, para o musical A Cor Púrpura, de Alice Walker, com direção de Tadeu Aguiar.

Despedida

No Twitter, famosos, políticos e profissionais da imprensa lamentaram a morte do jornalista. “Artur Xexéo, gente como você não morre nunca. Descansa um pouquinho e volta logo! Muitas saudades, grande amigo”, escreveu o escritor Paulo Coelho.

 

criação de site

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui