Operação apreende em Goiânia quase R$ 1,5 milhão em cargas roubadas

0
31

Realizada na quarta-feira (11/9), a Operação ‘A Grande Família do Crime‘ resultou na apreensão de quase R$ 1,5 milhão em cargas roubadas que estavam em um depósito de uma rede de supermercado em Goiânia. Os proprietários e o gerente estão presos. Os produtos pertenciam a cinco cargas roubadas nos últimos três meses em Brasília e Minas Gerais.

A ação conjunta foi deflagrada pela Delegacia de Repressão ao Furto e Roubo de Cargas (Decar)/Polícia Civil, Polícia Rodoviária Federal e auditores fiscais da Secretaria de Estado da Economia. As equipes calcularam ICMS de R$ 165.991,06 e base de cálculo avaliada em R$ 976.428,00.

O grupo foi descoberto após o monitoramento de uma carga roubada na BR-153, em Goiatuba, região sul do Estado, na última semana. Os autuados fazem parte de uma mesma família e já estavam sob investigação por fazerem parte de um grupo especializado na receptação de cargas de gêneros alimentícios roubados.
A Grande Família do Crime
A polícia recebeu a informação de que três empresas do segmento supermercadista adquiriram cargas roubas. Ao chegar no local existiam algumas latas de leite que coincidiam com o lote roubado. Questionados sobre a origem desses itens, os proprietários e gerente não conseguiram explicar sobre a compra. Os auditores fiscais pesquisaram o CPF dos empresários e identificaram um depósito da rede com inscrição desativada. Ao entrarem no local, que ficava ao lado de um dos supermercados, as equipes encontraram todas as cargas roubadas.
Os presos também foram autuados por receptação qualificada, associação criminosa e sonegação fiscal. As informações são do supervisor de Fiscalização da Delegacia Regional de Fiscalização de Goiânia, Adalberto Constantino.
criação de site

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui