terça-feira, maio 28, 2024
spot_img
HomeBrasilCiro volta a atacar senadora petista e diz que ela é 'uma...

Ciro volta a atacar senadora petista e diz que ela é ‘uma cortesã’

O ex-ministro e ex-governador do Ceará Ciro Gomes (PDT) voltou a atacar a senadora Janaína Farias (PT-CE) e afirmou nesta quarta-feira (24) que a parlamentar é “uma cortesã”. A declaração foi dada durante entrevista ao programa Jornal Jangadeiro.

“Ela é simplesmente a pessoa que organizava as farras de Camilo Santana. O que tenho a ver com a vida particular de Santana? Nada. E dela? Nada. Agora, botar no Senado. A voz do Ceará no Senado, a mulher cearense é representada por uma cortesã”, disse Ciro Gomes, citando também o atual ministro da Educação e ex-governador.

A reportagem procurou a senadora para se posicionar em relação às falas de Ciro, mas não houve resposta até a publicação deste texto.

Janaína Farias é a segunda suplente de Camilo Santana, licenciado do Senado para exercer o cargo de ministro no governo Lula, e assumiu o mandato de senadora no dia 2 de abril. Anteriormente, quem ficou na função foi Augusta Brito (PT), a partir de fevereiro de 2023.

Augusta Brito deixou o Senado para assumir uma secretaria a convite do governador do Ceará, Elmano de Freitas (PT). O movimento foi articulado por Camilo Santana nos bastidores para impulsionar Janaína, que deverá ser candidata a prefeita de Crateús, a 350 km de Fortaleza, nas eleições de outubro.

No último dia 4, Ciro havia dito que Janaína “só fez serviço particular do Camilo, e serviço particular, assim, é o harém, são os eunucos, são as meninas do entorno”. “Ela sempre foi encarregada desse serviço”, afirmou.

Na ocasião, a senadora afirmou que iria processá-lo.

“É lamentável que esse tipo de agressão a uma mulher ainda persista na política cearense. Mas a baixaria e a covardia parecem ser uma característica na trajetória deste político”, afirmou a senadora.

Ela acrescentou: “Infelizmente, todos sabem que misoginia é uma característica deste senhor e que deve ser motivo de repúdio por toda a sociedade”.

Nesta quarta-feira, Ciro disse que não tinha feito críticas à primeira suplente, “que foi prefeita, deputada”.

“Tirou ela do caminho para fazer chegar no lugar que foi de Virgílio Távora, de Tasso Jereissati, de Patrícia Saboya”, disse o ex-presidenciável, em referência a sua ex-esposa, eleita a primeira senadora do Ceará em 2002.

Folha de São Paulo

RELATED ARTICLES

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

- Advertisment -
Google search engine

Most Popular

Recent Comments