segunda-feira, julho 22, 2024
spot_img
HomeDestaqueResposta de senadora republicana a Biden gera críticas e memes nos EUA

Resposta de senadora republicana a Biden gera críticas e memes nos EUA

A senadora republicana Katie Britt defendeu neste domingo (10) sua resposta ao discurso do estado da União de Joe Biden, após sua participação receber críticas de opositores e aliados, e piadas na internet.

Britt, de 42 anos, era uma senadora pouco conhecida do estado do sul do Alabama quando os republicanos a encarregaram da tradicional resposta do partido ao discurso anual do presidente perante o Congresso.

No entanto, a escolha de cenário de Britt para a transmissão – a cozinha de sua casa familiar -, bem como sua atuação às vezes exagerada, e a tentativa de vincular Biden a um incidente de tráfico sexual muito anterior à sua posse, geraram reações de vários setores.

Sua aparição até foi parodiada pela famosa atriz Scarlett Johansson no popular programa Saturday Night Live, uma imitação mordaz que obteve milhões de visualizações nas redes sociais e alimentou mais a controvérsia ao chamá-la de “uma mãe assustadora”.

Comentando da sua cozinha, a verdadeira Britt criticou duramente as políticas de imigração de Biden como “uma vergonha”, e contou a brutal história de uma mulher mexicana que, aos 12 anos, foi vítima de tráfico sexual e estupro.

Segundo sua denúncia, o abuso ocorreu durante o governo de Biden.

Mas quando verificadores de conteúdo investigaram mais a fundo a história, rapidamente ficou claro que o tráfico sexual ocorreu no México e há 20 anos, durante a presidência do republicano George W. Bush (2001-2009).

Em uma aparição no canal Fox News neste domingo, Britt afirmou que havia deixado claro que estava se referindo a um caso que havia acontecido anos antes.

“É repugnante tentar silenciar […] a história de como é ser vítima de tráfico sexual”, retrucou.

E disse que escolheu o cenário doméstico porque “os republicanos se importam com os assuntos discutidos à mesa da cozinha”.

O magnata republicano e ex-presidente Donald Trump (2017-2021), o adversário praticamente certo de Biden nas eleições de novembro, elogiou o desempenho de Britt.

No entanto, até mesmo líderes conservadores criticaram sua escolha de cenário.

A comentarista de TV e ex-assessora de Trump Alyssa Farah Griffin escreveu na rede social X: “Não entendo a decisão de colocá-la em uma COZINHA para um dos discursos mais importantes que ela já fez”.

Com sarcasmo, imitando a voz e as expressões às vezes exageradas da senadora republicana, a atriz Johansson afirmou em sua paródia: “Os convidei para esta cozinha porque os republicanos querem que eu atraia o voto das mulheres. E as mulheres adoram cozinhas”.

Ao se referir à história do tráfico sexual, Johansson observou: “Tenham certeza de que cada detalhe é real, exceto o ano, o lugar e quem era o presidente quando aconteceu”.

AFP

Noticias relacionadas

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

- Advertisment -spot_img

Mais Lidas

Commentarios